A terceira guerra começou?

A terceira guerra começou?

Olá Terráquios! Vamos analisar por partes o que está ocorrendo. Haveria um motivo religioso para a guerra? O Estado Islâmico (ISIS) gera uma pressão migratória de civis para outras regiões, mas a área com maior concentração de refugiados é a Europa. Além disto o ISIS tem exterminado católicos e outras designações. Posteriormente a isto, o fluxo migratório para Europa e algumas regiões da Ásia está causando importantes modificações culturais. Embora existam severos conflitos culturais e religiosos, esta não me parece a principal motivação para um conflito de magnitude mundial.

 
Haveria então uma motivação econômica? A região da Crimeia na Rússia é rica em gás. Sabe-se que a economia Russa é fortemente apoiada na venda deste produto para a Europa. Por conflitos internos a Crimeia tentou se separar da Rússia. Isto causaria inacreditável perda de receita para a Rússia, gerando grandes impactos econômicos.
Por outro lado, a Arábia Saudita, parceira econômica dos EUA, também possui gás e deseja exportar para Europa. Hoje a principal passagem para o gás é a Síria de Assad, parceiro de Putin. Não é à toa que existem tantos conflitos na região.

 
Neste caso existiria algum motivo econômico para uma empreitada Russa, mas não necessariamente outros povos embarcariam nessa guerra agora. Veja a Europa: ela é cliente da Rússia. Não faria sentido a Rússia ataca-la ou vice-versa. Por outro lado, para a Europa seria até bom ter um novo fornecedor de gás, com custo menor e reduzindo o risco de escassez.

 
Haveria então alguma motivação política? Os EUA estão em meio a uma eleição presidencial com duas figuras marcantes: uma socialite socialista sem-noção, Hillary, e um empresário conservador redneck, Trump. Eles disputam a eleição para os próximos 4 anos e definem 3 juízes do Supremo para os próximos 40 anos. Isto significa que existe uma importância fundamental na manutenção ideológica dos EUA e provavelmente do mundo.

 
Atualmente o Trump exibe uma aparente parceria com Putin, isto porque existem diversos negócios do empresário lá. A vitória da Hillary poderia alterar fortemente as estruturas geopolíticas, como a alteração no apoio à Arábia Saudita. Atualmente a Rússia apoia o Irã e o Iêmen que desestabilizam a Turquia por ser uma possível passagem alternativa de gás. Num novo cenário geopolítico a Hillary poderia apoiar um Irã e, ao meu ver, uma guerra mundial ficaria melhor desenhada.

 
A mídia Russa trata como se a guerra mundial já estivesse ocorrendo. O fomento do ódio ao ocidente é evidente, há alguns anos, na Russia. Algumas fontes com pouca credibilidade afirmam na internet que a Rússia já se posiciona com armas nucleares em sua fronteira com a Europa; afirmam que a Itália confirma a participação da OTAN na fronteira com a Rússia; afirmam que o Porta-aviões russo Admiral Kuznetsov segue para o Mediterrâneo; afirmam até que misseis terra-terra foram disparados contra embarcações americanas.
Bom, a seguir pode-se ver uma matéria da imprensa portuguesa, RPT, falando sobre esta situação.

Terráquios, me parece que ainda tem muita água para rolar antes de termos a próxima guerra mundial. Por hora, me parece apenas uma coreografia feia para uma plateia pequena. Nós do Brasil nem entramos neste teatro, mas sabemos da peça anunciada.

 

Anúncios